RASTREAMENTO VEICULAR: PREÇO OU QUALIDADE?

Quanto vale a sua tranquilidade? Quanto vale ter uma parceira ao invés de uma simples prestadora de serviços?

5_motivos_rastreadores_sidartaSão perguntas que poucos gestores de frotas têm feito a si mesmos no momento de contratar um serviço de rastreamento via satélite. Mas sejamos realistas: a grande verdade é que diante do mercado atual e de todo o cenário econômico brasileiro, não são poucas as empresas que têm optado por algo que altere o menos possível seu caixa, deixando o fator qualidade em segundo plano. Mas essa, de fato, é a melhor medida a ser tomada? Muitos fatores apontam que não.

Já há algum tempo venho tendo a oportunidade de me reunir com diretores e gestores de frotas de pequenas, médias e grandes empresas, e um dos fatores negativos com os quais eu mais me deparo e que é certamente um grande incômodo para eles é a questão do pós-venda: atendimento técnico, suporte, acompanhamento… cuidado.

Perdi a conta de quantas vezes ouvi que a apresentação comercial da atual empresa foi maravilhosa, mas após o fechamento, foi “cada um por si”. A grande verdade é que há fatores importantes a serem considerados: qual o tamanho da empresa que está sendo contratada? Ela tem estrutura para atender de forma satisfatória todo o fluxo de serviços técnicos que lhe é imposta pela sua carteira de clientes? De que forma ela diferencia o atendimento de pessoas físicas e pessoas jurídicas? Quais procedimentos de acompanhamento e suporte a empresa oferece ao seu cliente durante o tempo da prestação do serviço de Rastreamento via satélite? Mais uma vez, perguntas fundamentais.
rastreador_sidartaA verdade é que muitas empresas de rastreador via satélite presentes no mercado hoje têm um procedimento de pós-venda pobre, refletindo isso na pouca ou nenhuma presença de suporte no período pós-fechamento. Isso acaba resultando no fato de que o próprio cliente se torna responsável por identificar e tratar determinados problemas em suas operações. Como exemplo podemos dizer que algumas delas têm em seus contratos ou acordos comerciais cláusulas que colocam a responsabilidade do funcionamento de seus equipamentos sobre os ombros do próprio cliente. Algumas delas declaram que, periodicamente, o usuário ou empresa contratante deve ligar para a central de monitoramento e realizar testes preventivos para a verificação da boa funcionalidade do aparelho rastreador. Caso ele não faça, esqueça ou não tenha condições de cumprir o procedimento, a responsabilidade pelo funcionamento correto do equipamento não incide sobre a empresa contratada e sim sobre o cliente, que por vezes permanece pagando por algo que simplesmente não está funcionando. Outras delas, quando recebem a solicitação de assistência técnica, trabalham com datas absurdas de prazo para atendimento. Uma revisão, por exemplo, pode chegar até o seu veículo em três ou quatro dias úteis. A questão é: o que pode ocorrer com seu veículo (com o rastreamento inoperante) em três ou quatro dias? Os gestores de frotas sabem a resposta: absolutamente tudo.

Podemos ainda citar coisas ainda mais básicas: tive recentemente a oportunidade de conhecer um dono de empresa que, após dois anos de contrato com uma grande empresa de rastreamento logístico, ainda não sabia operar o sistema online de forma satisfatória por nunca ter recebido um treinamento para isso. Infelizmente, esse tipo de informação quase nunca é exposta em apresentações comerciais, ou porque fazem um marketing negativo ou porque simplesmente não há condições para cumprir as expectativas do prospect. Curiosamente, estas são as empresas que ofertam o serviço de forma mais barata.

Isso pode ocorrer por vários motivos, mas vou citar apenas dois: primeiro, porque a empresa possui uma grande (ou imensa) estrutura, o que resulta na condição de oferta num valor mais agressivo. “Nós possuímos cem mil clientes!”. Parece uma frase excelente para se dizer numa visita comercial, mas vamos à pergunta-chave: quantos técnicos essa empresa possui para atender o fluxo de serviços necessários a esta quantidade de clientes? Quantos destes clientes estão realmente ativos? Quantos estão satisfeitos?

Em segundo lugar, a oferta de serviços muito baratos de rastreamento pode ocorrer (e na maioria das vezes ocorre) por conta da ausência de suporte, não por falta de qualidade, mas simplesmente porque ele de fato não existe. Há diversas empresas no mercado hoje oferecendo rastreamentos a preços mínimos ou até mesmo gratuitamente, através de celular ou aparelho rastreador. Mas tais empresas não oferecem suporte ao cliente. Não há central de monitoramento, não há acompanhamento técnico, não há garantias ou mesmo treinamentos.

O que se vende é apenas um sistema dotado de algumas ferramentas e, uma vez que isso é adquirido, o cliente é obrigado a se tornar sua própria empresa de rastreamento veicular. Havendo a quebra de um equipamento, o usuário é então obrigado e enviá-lo a uma assistência técnica, pagando as taxas de correio tanto na ida quanto na volta e, enquanto o equipamento permanecer em reparo, o veículo permanece desprotegido. São consequências que não são enxergadas quando a cifra é pequena o suficiente para encher os olhos de quem precisa do serviço.

A verdade é que eu poderia escrever um texto de quinhentas linhas somando todos os fatores negativos que os clientes costumam expor durante uma reunião comercial e cada uma delas é justificada. Mas não adiantaria falar apenas de problemas e não aplicarmos a eles uma solução (ou ao menos expor dicas que possam fazer você vir a ter um melhor serviço). Então, vamos ao que importa. Abaixo, seguem questões fundamentais que podem auxiliá-lo na contratação de um serviço de qualidade e ao mesmo tempo pagando um preço justo por isso.

 

·         Que tipo de suporte eu receberei após contratar o serviço? Algumas empresas de rastreamento possuem formas de trabalho que auxiliam o cliente na gestão de sua frota. Seus sistemas são condicionados a identificar inconformidades no comportamento dos veículos e, caso isso aconteça, o cliente é notificado para que possa tomar as medidas cabíveis em tempo útil.

 

·         Qual o tamanho da estrutura da empresa? Empresas grandes demais tendem a apresentar sempre um atendimento mais genérico devido ao fluxo de contatos que recebem diariamente. Isso se traduz num atendimento pouco humanizado, que circula num fluxo quase robótico de processo de suporte. Empresas de rastreamento GPS com estruturas menores são o contrário. Elas tendem a humanizar mais o atendimento, dar mais atenção a cada problema e buscar a solução mais rápida para eles. Acredite, ser atendido pelo nome ao invés de reconhecido por um número faz a diferença.

 

·         A empresa possui procedimentos internos para verificar a funcionalidade dos seus equipamentos ou coloca isso sob a responsabilidade só do cliente? Essa é uma questão importantíssima! Quando você contrata um serviço de rastreamento veicular e PAGA por ele, você tem que receber o serviço, não ser transformado numa espécie de funcionário do rastreamento responsável por manter o aparelho em dia. Existem empresas hoje no mercado que possuem processos através dos quais elas identificam o mal funcionamento dos aparelhos e tomam a iniciativa em caso de necessidade de revisão. Isso significa menos preocupação para o cliente e a garantia de que ele recebá aquilo pelo que paga.

 

·         A empresa atende pessoas físicas e pessoas jurídicas? Há diferença? Caso a empresa trate cada caso de forma distinta, com a central de monitoramento dividida para cada tipo de cliente, isso é positivo. É comum a reclamação de empresários afirmando que ligaram na central de monitoramento e foram atendidos como pessoas físicas. É fato: empresas querem ser atendidas como empresas. Os atendimentos são distintos. Mas, melhor que isso são empresas que atendem certos tipos de mercado de forma exclusiva. Temos hoje empresas de rastreamento especializadas no atendimento de pessoas físicas e outras no atendimento de pessoas jurídicas. Isso significa uma especialização na operação, atendimento e suporte totalmente voltados para um público específico.

Como é perceptível, há uma grande diferença entre alguns tipos de serviço e outros. Optar por um serviço mais barato pode nem sempre ser positivo para a empresa e incidir sobre ela preocupações e responsabilidades que, no fim, mais complicam sua logística do que auxiliam. E a contratação de uma empresa de rastreamento, na grande maioria das vezes, significa estar vinculado a uma vigência de 24 ou 36 meses, logo, a decisão éimportante e requer análise.

Há empresas cujos serviços, apesar de não serem os mais baratos do mercado, são justos e compatíveis com a qualidade do monitoramento prestado e, por vezes, compensam o investimento. Até mesmo os detalhes são importantes. Um bom exemplo a ser citado é a função pânico, muito comum. Algumas empresas chegam a cobrar uma taxa de R$ 30,00 por acionamento de pânico. O detalhe é que esse botão pode ser pressionado acidentalmente durante manutenções ou mesmo enquanto se conduz o veículo. Logo, basta um ou dois usos da função para dobrar ou triplicar o valor mensal do rastreamento.

Outras empresas possuem mensalidades R$ 20,00 ou R$ 30,00 mais caras que as citadas anteriormente, porém não cobram esta taxa, o que acaba compensando o investimento no final. Por fim, analise e estude as vantagens de cada empresa. Nem sempre o preço compensa o serviço recebido.

Caso deseje maiores informações contate-nos ou clique-aqui 

Julio KindzierskyAnalista de gerenciamento de riscos.

 

Rastreador GPS + GSM como funciona a tecnologia?

Neste tipo de sistema a utilização das tecnologias se dão da seguinte maneira:

O GPS é responsável pela captação das coordenadas de latitude e longitude geográficas.

O GSM é o responsável pela recepção e envio das transmissões de dados das informações capturadas do sistema de rastreamento.

Sendo assim, após a instalação de um hardware “rastreador” no veículo será possível o processamento de informações de coordenadas geográficas capturadas pelo sistema GPS, e enviadas atravésrast de um túnel de comunicação GSM das operadores de telefonias contratadas.  esta tecnologia é conhecida como Two – Way. pois é possível interagir em dois sentidos , tanto para receber posições como para enviar comandos de telemetria e atuações de bloqueios variados.

Esta tecnologia é excelente, porém não é 100% satelital, e sim parcialmente via satélite, pois fica restrita as operadoras de celulares para enviar e receber os pacotes de dados GSM do referido rastreamento veicular.

O posicionamento de coordenadas pode ser comprometido em ambientes fechados e cobertos tendo em vista que a visada do veículo com céu aberto será interrompida, logo após o veículo voltar a ter visada o sistema automaticamente retorna a posicionar as coordenadas.

Caso você deseje maiores esclarecimentos a cerca desta tecnologia, clique-aqui.

Funcionalidades de um bom Rastreador GPS via satélite

Muitos desconhecem, mas equipamentos de rastreamento via satélite possuem funções que vão muito além da simples localização de um veículo. Citamos neste post algumas vantagens de um bom sistema de rastreadores GPS:

  • Cerca Eletrôrelatorio sidarta rastreadornica: permite demarcar um local e fazer o controle de entrada e saída do veículo. É útil para garageamento e controle de áreas restritas.
  • Rota Multiponto: controla a rota que um veículo precisa seguir para efetuar um determinado plano de serviço ou entrega.
  • Controle de Paradas: mostra quanto tempo o veículo ficou parado em determinado lugar. Útil para controle do tempo de entregas e serviços externos.
  • Controle de Velocidade: o sistema avisa quando o veículo ultrapassa a velocidade permitida. Resulta na redução da incidência de multas e acidentes.
  • Controle de Funcionamento: fornece informações referentes a quanto tempo o veículo ficou com a ignição ligada.
  • Relatório de Marcha Lenta: permite saber quando, onde e por quanto tempo o veículo ficou parado com a ignição ligada. Inibe o uso indevido de ar-condicionado e de outras funções que consomem combustível ou bateria.

Além disso, existem empresas no mercado que possui tecnologia importada, através da qual os equipamentos operam com 3 chips de 3 operadoras GSM diferentes, reduzindo significativamente a incidência de áreas de sombra (locais sem sinal) do equipamento rastreador via satélite.

Caso deseje uma indicação de uma ótima tecnologia de rastreamento veicular, clique-aqui.

 

Qual o melhor Rastreador Veicular?

Quando pesquisamosrastreamento-veicular-central-em-php-varios-rastreadores-sidarta um produto ou serviço para nosso consumo naturalmente nos deparamos com uma enorme quantidade de ofertas e informações, para você que busca uma solução em rastreamento via satélite não será diferente e você poderá ficar confuso. Pensando nisso resolvemos escrever este post dando algumas dicas para a sua escolha de um sistema de rastreador veicular para a sua utilização.

Como leigo acarro_pb primeira coisa de deverá entender na hora da escolha é a tecnologia que deseja, se é a tecnologia satelital ou GSM, ambos serão rastreadores GPS porém o túnel de comunicação entre a caixa preta instalada no seu carro e o seu servidor pode ser um ou outro dependendo de sua escolha e poder aquisitivo, tendo em vista que o satelital custa muito caro.

Após esta decisão, é importante pesquisar as empresas de rastreadores via satélite, lembrando que você não esta comprando mini-rastreador-gps-gsm-gprs-carro-moto-13704-MLB4062100186_032013-Oum produto mas contratando um serviço, que poderá ser excelente ou um verdadeiro abacaxi. Logo comece verificando a legalidade das empresas, existe muitas empresas terceirizando tecnologias e até o próprio monitoramento, empresas de faixada mesmo, você deverá pedir as empresas o numero da inscrição de CNPJ e faça uma pesquisa no site da receita federal. lá você saberá quantos anos tem a empresa de rastreamento e se esta ativa com suas obrigações fiscais.

Outro ponto fundamental é pegar os nomes daequipe_sidarta_rastreadoress empresas de rastreadores que você pesquisou e ir no site de consumidores www.reclameaqui.com.br , lá você encontra uma série de testemunhos de clientes ou ex-clientes de várias empresas de rastreadores-via-satélite, existem marcas muito fortes no mercado pois investem milhões em publicidade mensalmente e apesar de serem grandes conquistadoras de mercado são péssimas mantenedoras, não respeitando contratos e não rastreando da forma prometida no ato da aquisição do serviço.

Com estes simples cuidados você certamente irá contratar uma boa empresa de rastreadores para cuidar de seus veículos.

boa sorte a todos.

Sidarta Rebello.  Analista de gerenciamento de riscos.

 

 

Rastreadores via Satélite X roubo e furto de veículos no Brasil


roubo rastreador sidartaConforme nossos estudos estatísticos nos últimos anos e previsões futuras, foi confirmado um GRANDE aumento de roubo e furto de veículos em nosso país, apenas no primeiro trimestre de 2014 o crescimento foi de 7.1%, somando um total de 80 mil veículos aproximadamente.

Ressaltamos a eficácia do produto rastreador veicular para os casos de roubos e furtos, quem não tem condições de fazer um bom seguro de seu carro nos dias de hoje sem dúvidas deve optar por um rastreador-Gps, que com certeza dificultará as ações criminosas.

O rastreador substitui o seguro?  Claro que não ! o rastreador não tem o papel e nem pode ter o papel de seguradora. pois não tem licença da Susep para prover tal serviço, e na maioria dos casos não restitui o patrimônio do cliente, mas com toda certeza é de grande ajuda e dificulta a vida do ladrão.

Vale a pena fazer uma cotação em uma boa empresa de rastreamento de veículos por via satélite.  se interessou ou quer saber mais sobre este assunto? Clique-Aqui.

Sidarta Rebello – Consultor de Gerenciamentos de Riscos.

 

 

 

Rastreador sem mensalidade: verdadeiro ou falso?

Diariamente nós do mercado de segurança e logística patrimonial somos questionados a cerca deste produto, “Rastreador sem mensalidade ou grátis.” sendo assim resolvi escrever este post na intenção de esclarecer aos leigos algumas considerações a serem feitas antes de adquirirem um sistema de rastreamento via satélite.

A primeira coisa a se pensar é a seguinte: quem vende este sistema de rastreadores não são empresas de rastreamento, monitoramento veicular, mas sim fabricantes de rastreadores GPS, logo a motivação destes será vender o equipamento você, não existe uma mensalidade, ou seja: contrato-de-manutencao41327317970provavelmente você terá muitas complicações em relação a manutenção técnica do equipamento de rastreamento. Em caso de defeito você sofrerá, pois a motivação da industria moderna é: ficou ruim, joga fora e compra outro. A reposição de peças e manutenções serão difíceis e caso consiga o preço será abusivo a ponto de te convencer que é mais interessante adquirir um novo sistema do que simplesmente consertar o antigo aparelho rastreador.

A segunda quesquanto-ganha-um-seguranca-de-festatão a ser abordada é a segurança:      É simplesmente impossível em caso de assalto o próprio usuário ter a estabilidade emocional e raciocínio lógico para administrar todas as variáveis necessárias no momento do sinistro, como será possível, abrir um chamado na polícia militar, fazer o registro de ocorrência na polícia civil, ligar para o disk denúncia, monitorar e bloquear o rastreador via satélite do seu veículo, e etc… tudo ao mesmo tempo?

Outro ponto a ser observado:  A tecnologia oferecida, você quando adquiri um Rastreador GPS, na verdade não esta simplesmente comprando uma caixa preta com fios, você esta comprando um sistema de inteligência embarcada que interage com um software e se comunica via celular ou satélite, nos dias de hoje muito se fala em TI, e é exatamente o mundo que você esta entrando ao comprar um sistema de rastreamento veicular.

SoftwareOs softwares oferecidos por estes fabricantes de rastreadores via satélite normalmente são precários, instáveis, limitados, sem as manutenções e atualizações necessárias para tudo rodar bem, sem um data center de segurança com alta performance de armazenamento, os mapas geralmente são apanhados de forma “GRÁTIS” e integrados aos sistemas, para você utilizar os mapas Google de forma profissional é necessário adquirir licenças de mapas que podem chegar a 40 mil dólares mensais e data center para armazenar suas posições com segurança e privacidade é outro ponto que custa caro, sua vida, suas rotinas, seus percursos, tudo que seu veículo faz, fica gravado e isso é coisa muito séria mesmo, trata-se da segurança da vida.

Não existe almoço “grátis”: Quando me perguntam sobre rastreadores GPS/GSM grátis, eu penso no seguinte: para existir a comunicação de dados entre o GPS do veículo com o software do servidor almoco_gratis-150x150será necessário a utilização de um túnel de comunicação GSM ou seja, um chip de uma operadora celular local, você terá que comprar um pacote de SMS e dados GSM ou 4G, um pacote deste com uma qualidade regular não fica em menos de R$30,00 mensais.

Vale lembrar que você também terá o custo da compra do sistema de rastreador via satélite que varia em torno de R$ 850,00 a R$1.000,00, pois estas indústrias somente contemplam a venda e não fazem pacotes de comodato com fidelidade temporal.

você terá que desembolsar em media de R$100,00 a R$120,00 para fazer a instalação do equipamento rastreador em seu veículo e em caso de defeito da peça terá que pagar a desinstalação que será em média de R$80,00 a R$100,00 para enviar o produto para o fabricante, sempre custeando o frete de ida e volta por conta do consumidor, deixando o seu carro totalmente desprotegido por até 30 dias e quando retornar o seu equipamento de garantia, terá os mesmos custos de instalações novamente. Esta rotina poderá se estender por muitas vezes trazendo um transtorno inimaginável para o consumidor desavisado.

Serviços técnicos podem ser profissionais ou amadores: Você ao adquirir um sistema de rastreamento na verdade busca por uma “solução” e não por uma dor de cabeça, fique atento, contrate uma empresa de rastreamento certificada pela Cesvi Brasil, Anatel, ISO, Gristec.

Espero ter esclarecido um pouco sobre Rastreador sem mensalidade” a todos e desejo muito boa sorte em suas buscas.

Sidarta Rebello – Consultor e analista de gerenciamento de riscos. www.sidarta.com 

 

 

 

 

 

 

 

Rastreador auxilia na economia de combustível.

Algumas das vantagens em instalar rastreadores veiculares em carros de trabalho e lazer, independente do tamanho de sua frota, você terá muitas vantagens.

Nos dias de hoje os Rastreadores via satélite veiculares se tornaram uma poderosa ferramenta de controle para as empresas e frotistas de todo o mundo. Com o aumento das demandas por serviços e produtos e o crescimento do consumo das populações, o aumento das distribuições e logística tem que acompanhar.

Os rastreadores via satélite servem para orientar os gestores de frotas veiculares a tomar as decisões de como tratar cada operação, qual o melhor motorista para determinado itinerário, qual a melhor e mais segura rota a ser feita, qual a pontualidade das entregas e coletas e quando necessário, dificultar a ação criminosa.

Hoje um empresário que investe em veículos novos, combustível, manutenção preventiva, qualificação de seus motoristas, com certeza ira instalar rastreadores-via-satélite em seu veículos, pois com os equipamentos rastreadores relatorio rastreador logisticoserá possível ter uma variedade de relatórios logísticos, como: velocidade, horímetro, cercas eletrônicas, garageamento, ponto a ponto entre outros…

Outro ponto positivo sem dúvida esta na economia de combustível, esta economia com certeza poderá a chegar a 30% a partir do momento que os gestores de frotas começam a controlar as rotas e suas não conformidades, o controle dos roteiros, controle de veiculo parado com motor ligado, vai economizar combustível e diminuir a emissão de gases poluentes na natureza.

consumo combustivel rastreadorPodemos afirmar um aumento da produtividade muito expressivo, pois a partir do momento que os rastreadores via satélite começarem a controlar o momento de início de jornada, todos os relatos de trajetórias, e finalização de jornada, além de cartão de ponto funcional, irá ter uma considerável diminuição no sedentarismo funcional.

Essas são algumas vantagens de instalar equipamentos rastreadores via satélite em seus veículos, mas em breve estaremos relacionando muitos outros esclarecimentos a cerca deste tema.

Caso deseje conhecer um sistema de rastreadores via satélite entre em contato com nosso site.

Sidarta Rebello.

 

 

Falta de Rastreador via satélite traz 10 bilhões de prejuízo por ano a empresas transportadoras

                                    carro forte rastreador                                                                              O mercado brasileiro de transportes logísticos esta em pleno crescimento e é altamente promissor, com este crescente aumento da frota o índice de crimes especializados acompanham esta estatística trazendo prejuízos para as empresas frotistas e transportadores acima de 1 bilhão de reais por ano.
Os rastreadores via satélite e os sistemas de monitoramento tem sido uma excelente alternativa custo x beneficio para dificultar as ações criminosas minimizando o roubo de cargas e veículos.
Queremos chamar a atenção que os prejuízos causados por acidentes e imprudência de motoristas são dez vezes maior que o ônus causado por quadrilhas especializadas em roubos caminhao sem rastreador perde cargade veículos e cargas.
Através de relatórios objetivos dos rastreadores será possível avaliar o comportamento dos motoristas no trânsito, reduzindo acidentes, atrasos nas entregas e sedentarismo funcional.  Segundo auditorias realizadas pela Gristec estes eventos geram um prejuízo em torno de R$ 10 bilhões de reais por ano. A necessidade de melhorias nosistema de logística de distribuição é constante, além de maior proteção para motoristas.
Os sistemas de rastreamento já ajudaram na solução de diversos casos de sequestros. Atualmente falta de rastreadorexiste rastreadores portáteis ou rastreamento de celulares, para  monitoramento de equipes externas, crianças, idosos e animais de estimação.
Autor: Sidarta Rebello
Diretor de Gerenciamento de Riscos Logísticos.
sidarta.com                              

Rastreador aumenta a segurança.

roubo                                                          Atualmente o cenário da segurança pública e privada em nosso país vem piorando a cada dia, a população virou refém em suas próprias casas e quando se vai para a rua, seja pelo motivo que for a sensação de sair e não voltar existe e é cada vez mais real.

Tendo como objetivo principal auxiliar na segurança e controle remoto de pessoas, objetos, cargas, animais, etc… os rastreadores via satélite se tornaram uma ferramenta fantástica e dificultadora da ação criminosa em nosso mundo atual.

Muitos por falta de conhecimento ainda acham luxo ou supérfluo a instalação de um dispositivo de rastreador via satélite em seu patrimônio ou pessoa querida, mas temos a certeza que esta cultura esta mudando e as estatísticas de sucesso em casos de furtos, assaltos, sequestros, vem mostrando a eficacia deste sistema formidável.                                                                                                                                                                                                                    Você que esta lendo este post e tem interesse em maiores detalhes sobre a instalação, manutenção, manuseio, e condições comerciais dos sistemas de rastreamento via satélite, por favor entre no site da empresa solicite um orçamento e uma explicação técnica e prática.

 

Entenda seu Rastreador via satélite

Com o aumento da complexidade dos serviços logísticos, também cresce a necessidade por segurança, acompanhamento, gerenciamento e eficácia. Tudo isso se resume em apenas uma palavra: controle, e é exatamente isso que as empresas têm buscado quando falamos em rastreamento via satélite.
A principal vantagem do negócio, sem dúvida, é saber, em tempo real, onde o veículo está localizado e sua situação no que diz respeito a status de ignição, velocidade e condição. Informações básicas e simples, mas que são vitais para serviços como entrega, coleta ou mesmo para empresas que possuem representação externa em setores técnicos e comerciais. Através disso é possível ter total conhecimento de como os serviços estão sendo realizados, em quanto tempo ou ainda sob quais circunstâncias de segurança, podendo-se identificar áreas de risco, por exemplo.
Diferente do que muitos acreditam, equipamentos de rastreamento hoje estão aptos a fornecer ao cliente muito mais que uma simples localização GPS. Com um sistema de qualidade,  o usuário pode contar, por exemplo, com relatórios retroativos sobre eventos importantes dos veículos, o que serve como ferramenta de gestão e aplicação de ações administrativas.
Nestes relatórios podemos citar como comuns o controle de velocidade, que é um redutor de multas em potencial, o controle de paradas, que permite ao usuário monitorar o tempo que cada serviço demandou em cada cliente por qual o veículo esteve, e o controle de rotas, que informa se o veículo se desviou de uma rota predefinida para ele no sistema.
Não obstante, a simples presença de um rastreador no veículo, com conhecimento do condutos, por si só é suficiente para reduzir significativamente as inconformidades logísticas que normalmente ocorrem quando não há qualquer tipo de controle sob as rotas percorridas. Isso se traduz num deslocamento mais direto ao ponto de interesse, sem desvios ou quebras de rota, menor incidência de infrações de trânsito ou até mesmo acidentes, maior agilidade nos serviços e melhor precisão.
Resumindo, o rastreamento via satélite se tornou muito mais que um simples adereço opcional às frota de qualquer empresa, seja ela pequena, média ou grande. Trata-se de um sistema de fato necessário não apenas para controle como também para economia em diversos pontos. Um investimento cujo custo-benefício é positivo.
Caso deseje conhecer um ótimo sistema de rastreadores : CliqueAqui